RUMO A TÚNIS!

CONCEITO

Este projeto visa realizar a terceira das ações estratégicas do Plano Plurianual (2012 – 2014/2015) do FMTL, cujo objetivo é: "Participar proativamente do FSM 2015 através de uma delegação representativa e atividades autogestionadas". Para tal, nossa proposta é articular uma delegação representativa do FMTL para participar no Fórum Social Mundial 2015 (24 a 28 de março), que será realizado na cidade de Túnis, Tunísia, no primeiro trimestre de 2015, em data definida pelo Conselho do Fórum Social Mundial e que, eventualmente, poderá sofrer alteração conforme informação da coordenação do FSM. A exemplo de 2013, esta delegação será formada a partir da rede de trabalho já consolidada em torno do processo FMTL desde 2005, que agrupaum Comitê Consultivo Internacional e um núcleo organizador, que é o Conselho Permanente do FMTL, assessorado pela Secretaria Permanente sediada em Porto Alegre, Brasil, junto à Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Esta ação estratégica, por sua vez, dá continuidade ao que já foi realizado ao longo de 2011, 2012 e 2013, cujo objetivo foi: "Integrar o FMTL no processo do FSM, a fim de assimilar propostas metodológicas e temáticas para uma agenda comum de produção e atividades". Os resultados esperados para estas ações deveriam incidir, por sua vez, em um terceiro momento de nosso Plano Plurianual, previsto para o ano de 2014, que consistia em: "Realizar a quinta edição do FMTL em 2014, reunindo integrantes do Conselho Permanente e do Comitê Consultivo Internacional para desenvolver um seminário de produção teológica". Porém, considerando a participação do FMTL no FSM 2013, especialmente as atividades autogestionadas propostas e as atividades organizadas com outros sujeitos na preparação do FSM, a delegação reunida em Túnis sugeriu alterações ao Plano Plurianual, dentre as quais: "a não realização da quinta edição do FMTL em 2014; a realização de nova intervenção do FMTL na próxima edição do FSM em 2015, com intervenções similares ao que foi realizado em 2013, com ações propositivas dentro do FSM e, também com estrutura capaz de acolher outros parceiros". Estes parceiros reúnem as instituições que compõem o FMTL, bem como, organismos que encontram no FMTL espaço de integração, identificação e afinidade de objetivos.


JUSTIFICATIVA

Esta proposta coloca em primeiro plano a necessidade de qualificar a interação colaborativa entre participantes do FMTL e o vínculo desta rede com o processo do FSM. A partir desses parâmetros, deseja-se criar e fomentar condições para uma reestruturação da dinâmica de organização e mediação do FMTL, adequando-se à realidade estrutural e institucional dos organismos envolvidos no FMTL. Consideramos tratar-se de um momento novo no que diz respeito à constituição organizacional do FMTL. É necessário, pois, encontrar estratégias criativas de ação, valorizando potenciais e recursos, bem como conjugando diferentes protagonismos que já estão ou estarão fazendo parte desse processo. O resultado último deste processo é a sistematização e a publicação da produção teológica.


OBJETIVOS

  • Realizar um programa de participação autogestionada de uma delegação representativa do FMTL no FSM 2015.
  • Articular uma delegação representativa do FMTL no FSM 2015 a partir do Comitê Consultivo Internacional e Conselho Permanente do FMTL;
  • Desenvolver um processo coletivo e colaborativo de definição metodológica de trabalho prévio e posterior ao encontro;
  • Realizar um programa de participação proativa e autogestionada no FSM 2015;
  • Desenvolver atividades (de 3 a 5) autogestionadas no programa do FSM 2015, cuja organização e proposta deverão ser consolidadas a partir de um trabalho colaborativo da delegação e outros parceiros;
  • Realizar, durante o FSM 2015, um processo de análise, sistematização e avaliação in loco resultante da participação nas atividades, elaborando os eixos de trabalho para o próximo Plano Plurianual.


RESULTADOS ESPERADOS

  • Definição de temas candentes à reflexão teológica e ações tendo em vista a participação autogestionada no FSM 2015.
  • Fortalecimento de uma relação dialógica do FMTL na interface com o FSM, inserindo-se efetivamente no processo deste no que diz respeito a definições temáticas, ações e metodologias.
  • Produção de sínteses crítico-construtivas que sirvam de referenciais ao FMTL, considerando futuras ações, especialmente a produção e publicação de textos.
  • Avaliação do conjunto de ações desenvolvidas pós Túnis e preparatórias para 2015.
  • Definição de metas e planejamento de ações para a terceira etapa do Plano Plurianual, considerando a realização de atividades locais (seminários, oficinas, etc) ao longo do ano seguinte, assumidas pelos participantes da delegação ao FSM de Túnis.
  • Elaboração dos eixos de trabalho para o próximo Plano Plurianual.


ESTRATÉGIA DE AÇÃO

  1. Consolidação de metodologias a partir das temáticas definidas pelo FMTL, a saber:
    • Libertação como princípio hermenêutico e prático
    • Libertação e democracia
    • Direitos humanos, Direitos dos pobres e direito das vítimas
    • Justiça ambiental e segurança alimentar
    • Migrantes climáticos e territorialidades
    • Novas linguagens e retorno a formas simbólicas/míticas arqueo-lógicas
    • Pacto das religiões com as políticas de "esquerda"
    • Paz e solidariedade religiosa
    • Gênero, Feminismo e Democracia
    • Juventudes*

    *A inclusão do tema Juventudes está sendo proposto ao FMTL por seus parceiros considerando o ‘fenômeno juventude’ na atualidade e pela crescente procura de diálogo com o FMTL por articulações de juventudes mundiais.

    Download dos Eixos Temáticos:  

  2. Atividades autogestionadas (observação de atividades e proposição de atividades)
  3. Seminários de sínteses / convergências
  4. Análise, sistematização e avaliação

A definição do programa depende da metodologia do FSM, bem como da publicação do calendário de atividades do evento. A princípio, a dinâmica de trabalho seguirá os seguintes termos:
  • Recepção de delegados/as do FMTL
  • Seminário de integração e adequação do planejamento de trabalho
  • Participação na abertura do FSM
  • Participação em atividades do FSM, finalizando com sínteses do dia
  • Atividades autogestionadas FMTL/FSM, finalizando com sínteses do dia
  • Seminário de sínteses/convergências / Avaliação geral e planejamento
  • Participação na Assembleia de Convergências do FSM


CHAMADA PARA RESUMOS

       Downloads      
       Formulário de Submissão (clique aqui)


INFORMAÇÕES

       Para saber mais, clique aqui

Permanent Secretariat
Av. Ipiranga, 6681 - predio 5 - sala 407.15 - Porto Alegre/RS - Brasil - CEP: 90619-900
Tel/fax: 55 (51) 3320-3940    |    E-mail: permanentsecretariat@wftlofficial.org